exposição

primeira mostra de arte cerâmica no maria antonia

Em setembro no Maria Antonia acontece a 1ª Mostra de Arte Cerâmica, com curadoria de Carlos Augusto Rossi de Almeida e Cibele Nakamura. A mostra homenageia a artista Norma Grinberg e conta com grande variedade temática, técnica e de materiais, além de grandes nomes que representam a cerâmica artística brasileira e peças de autoria de artistas da nova geração da arte cerâmica.

RE VOU VER

O projeto RE VOU VER disponibiliza ao público o acervo mantido pelo Centro Universitário Maria Antônia em todo o seu período de funcionamento. Nesta realização há um resgate da memória dos confrontos travados em 1968 no local, além disso, recupera-se um evento referente a esse acontecimento realizado pelo centro há quase uma década, a exposição 1968 Vou Ver.

no ar

Segue até 19 de dezembro o projeto Paisagens Fugidias, com No ar, trabalho de Laura Vinci que se realiza a partir da produção de vapor de água em suspensão, instalado numa área a céu aberto com acesso direto à rua em que está sediado o Maria Antonia. A visitação é de segunda a domingo, das 14 às 20h.

24º programa nascente

A exposição Visualidade Nascente integra o conjunto de exposições e apresentações dos trabalhos finalistas do concurso artístico da USP.
No Centro Universitário Maria Antonia, são mostrados os finalistas das áreas de Artes Visuais, Audiovisual e Design.

marcas – imagens de são paulo

No dia 4 de novembro, o Centro Universitário Maria Antonia e o Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo abrem a todo público a exposição Marcas – Imagens de São Paulo, que tem por base o projeto Cartografia de Direitos Humanos de São Paulo, e que resgata e torna acessível a preservação da memória dos direitos humanos, da identidade e da liberdade de expressão, por meio da fotografia artística e documental. Situada no 1º andar do edifício Rui Barbosa, a exposição fica em cartaz até janeiro.

Mallarmé, O Livro

No dia 20 de fevereiro, o Centro Universitário Maria Antonia, inaugurando a programação de atividades de sua Biblioteca Gilda de Mello e Souza, em 2014, abriu a todo o público a exposição Mallarmé, O Livro, de Klaus Scherübel, artista austríaco radicado em Montreal, Canadá. Com entrada franca, a exposição fica em cartaz até 20 de abril. A exposição acontece no 2º andar do edifício Rui Barbosa.

Páginas

Subscribe to RSS - exposição